Lead

Jul 31 05 8:42 AM

Tags : :

BJ – BUREAU JURÍDICO
PROF. EDVALDO FERREIRA
/

A DISSERTAÇÃO EM CONCURSOS PÚBLICOS

O que é dissertar? É apresentar sua visão de mundo sobre algo. Introdução, desenvolvimento e conclusão são as etapas às quais você deve se entregar para compor sua dissertação. Logo, observe as imagens oportunas para cada uma dessas etapas.

INTRODUÇÃO : Você deve comparar a introdução como sendo o índice de um livro. Quando queremos saber de maneira rápida e objetiva quais os tópicos que integram um certo livro, basta ir ao índice. O mesmo procedimento você deve ter ao iniciar sua dissertação. Assim, ao delimitar o tema proposto , construa tópicos que você considere intimamente ligados ao que a comissão apresenta. Confira o exemplo que preparei.

A VIOLÊNCIA NOS PRESÍDIOS PÚBLICOS DO BRASIL

Tópicos:
1) A corrupção de agentes penitenciários
2) A massificação nas celas
3) O tráfico de drogas subsidiando a criminalidade e garantindo favores a presos
4) Falta de autoridade e competência do Governo
5) Necessidade de leis mais rígidas que vençam a impunidade dos que transgridem o gerenciamento nos presídios.

Observe que alguns tópicos são constituídos por termos nominais, enquanto outros são períodos – apresentando maior riqueza sintática.
Dos cinco tópicos acima, selecione três que você considere mais expressivos. Após a escolha, justaponha um a um, direcionando, em seguida, ao que lhe foi imposto pelos que elaboraram a prova. Então, teremos:

A corrupção de agentes penitenciários, o tráfico de drogas subsidiando a criminalidade e garantindo privilégios a criminosos, a necessidade de leis mais rígidas que vençam a impunidade dos que transgridem o gerenciamento nos presídios são aspectos a serem abordados e analisados com atenção no combate à violência nos presídios brasileiros. ( Eis a introdução de forma objetiva, clara, concisa – conforme recomendação dos que integram a banca examinadora ).

DESENVOLVIMENTO: É o tão falado corpo da dissertação. Como esse outro espaço redacional exige coerência e coesão com o que foi exposto na introdução ( lembre que a introdução é o seu índice da dissertação! ), abra um parágrafo para cada tópico selecionado. É assim que você alcança a tal coerência e a tal coesão textual. Todos os tópicos decantados no primeiro parágrafo da dissertação devem ser dis¨&*tidos e argumentados no desenvolvimento, assim como não deve faltar no livro nenhum tópico selecionado no seu índice ( eis a verticalidade de sua dissertação ).




E como produzir a horizontalidade textual no desenvolvimento? Você se lembra da classificação das orações subordinadas adverbiais? Temos: oração subordinada adverbial temporal, proporcional, condicional, final, concessiva, comparativa, conformativa, conse¨&*tiva e causal . A carga semântica dessas orações é bastante rica. Você pode no desenvolvimento do primeiro tópico apresentar a riqueza expressiva dessas orações, fundindo-a com exemplificações, fatos e afirmações utilizados na composição do seu primeiro apartado do desenvolvimento. A seqüência desses valores ideativos proporciona progressão de idéias. Confira:

A delinqüência e a imoralidade dos que guardam as celas são bastante transparentes ( CAUSA para o primeiro tópico selecionado na introdução ). De suas mãos, presos adquirem armas, celulares, as próprias chaves de suas portas( MODO ) . A máquina encarregada de prender e manter presos os grandes criminosos está, pelo menos em parte, contaminada pelo dinheiro que esses bandidos distribuem ( CONSEQÜÊNCIA ) para comprar facilidades ( FINALIDADE ). Fernandinho Beira-Mar e outros bandidos comandam suas quadrilhas em ação do lado de fora. Muitas vezes, telefonemas dados de dentro do presídio, para tratar de planos criminosos, são gravados por autoridades. A definição clássica para crime organizado é a infiltração de seus representantes nas instituições públicas, através de seus próprios funcionários.
Chamemos esse apartado de desenvolvimento 1 ( D1 ). Quanto ao termo grifado no final do primeiro parágrafo, trata-se de uma pré-conclusão. Se no final de cada parágrafo do desenvolvimento você escrever uma afirmação espelhando o significado de tudo o que foi escrito no parágrafo, ou apresentar um conceito, ou expor uma “moral” , você estará antecipando a composição de sua conclusão, e o leitor de sua dissertação estará sendo persuadido por suas idéias. Outras plataformas que podem ser mescladas com as adverbializações são:

PERGUNTA + RESPOSTA + EXEMPLIFICAÇÃO + PRÉ-CONCLUSÃO
AFIRMAÇÃO + JUSTIFICATIVA + EXEMPLIFICAÇÀO + PRÉ –CONCLUSÃO
AFIRMAÇÃO + DESCRIÇÃO + JUSTIFICATIVA + PRÉ-CONCLUSÃO
PERGUNTA + RESPOSTA + JUSTIFICATIVA

A corrupção por parte de quem guarda as celas tem crescido assustadoramente?(PERGUNTA) Em cada dez agentes penitenciários, quatro recebem propinas de presos( RESPOSTA ) para lhes garantir facilidades( FINALIDADE) e, com isso, terem a liberdade de estarem livres à prática de delitos( CONSEQÜÊNCIA ). Um cál¨&*lo do Ministério da Justiça estima que, de cada 1 milhão de dólares gerados pelo mercado de droga, cerca de 25% tenham como destino final a corrupção de agentes, autoridades e fiscais encarregados de combater o banditismo( CONFORMIDADE). A falta de responsabilidade em suas funções, a força do dinheiro em meio aos baixos salários que os policiais percebem e a falta de punição rigorosa para os crimes que cometem são razoes que possibilitam tal crescimento. ( JUSTIFICATIVA ) .

O oportuno é você abrir um parágrafo para cada tópico selecionado na introdução. Sendo coerente com a introdução exemplificada nesta matéria, teríamos: D1, D2 e D3.

CONCLUSÃO: Trata-se de uma retomada das pré-conclusões no final de cada parágrafo do desenvolvimento. A sugestão de idéias que solucione os aspectos negativos apresentados no desenvolvimento é oportuna constar. Em tornoo de cinco linhas é o número ideal para tal trabalho.

Segue, abaixo, o espelho de como sua redação é lida pela comissão – Cespe – UnB. Adquiri este espelho através de candidatos que me pro¨&*raram no Bureau Jurídico para analisar a correção de sua redação. Felizmente, após análise e formalidade exigida pela comissão, houve candidatos que obtiveram alterações positivas em suas notas. Portanto, con¨&*rseiro, o espelho abaixo é, de fato, o utilizado pelo Cespe-UnB. Tê-lo como alicerce para se orientar quanto às exigências oportunas à composição dissertativa é ser inteligente.














ESPELHO DA AVALIAÇÃO DA REDAÇÃO
Domínio do conteúdo
Apresentação textual Nota obtida no quesito Faixa de valores por quesito

1. Legibilidade 0,00 a 2,00
2. Respeito às margens e indicação dos parágrafos 0,00 a 2,00

Estrutura textual (dissertativa)

3. Introdução adequada ao tema/posicionamento 0,00 a 4,00
4. Desenvolvimento 0,00 a 4,00
5. Fechamento do texto de forma coerente 0,00 a 4,00

Desenvolvimento do tema

6. Apresentação e recorte do tema 0,00 a 4,00
7. Contribuição pessoal acerca do tema 0,00 a 4,00
8. Progressividade e coerência textual 0,00 a 4,00















Domínio da modalidade escrita
Quantidade de erros





















Número da linha 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30
Pontuação
Estrutura do período
Emprego de conectores
Concordância nominal
Concordância verbal
Regência nominal
Regência verbal
Grafia / acentuação
Vocabulário inadequado
Repetição / omissão vocabular
Outros



APURAÇÃO DA NOTA:
Nota no conteúdo ( NC) ________
Número de linhas efetivamente o¨&*padas ( TL ) ________
Número de erros ( NE) ________
Nota da redação ________
8
NC = 5 x nota obtida no quesito i
28
i = 1

NPD = NC – 3 x NE dividido por TL

Estudar é preciso; sonhar não pe preciso